Postura

Ter uma boa postura exige mais do que alinhar as costas.
Especialista dá dicas de como evitar desconfortos:
Quando fala-se em postura, a maioria logo pensa em posicionar os ombros corretamente, manter a coluna ereta, olhar para frente e encolher a barriga. Só que pouquíssimas pessoas conseguem ficar 24 horas nessa posição. Como cada pessoa tem um trabalho e uma estrutura corporal diferente, a postura ideal acaba sendo aquela que é confortável e não provoca dor, diz o médico Carlos Roberto Campos, presidente da Associação Nacional de Medicina do Trabalho (Anamt).
Para que músculos e articulações fiquem saudáveis, confira algumas orientações de Campos e do professor universitário Eduardo Ramos da Silva, coordenador do Laboratório do Movimento Humano da Universidade de Caxias do Sul (UCS):
:: Boa postura é aquela em que o indivíduo apresenta equilíbrio músculo-esquelético, o que protege as estruturas de suporte do corpo contra lesão ou deformidade. Não é fatigante, não provoca dor, é funcional e esteticamente aceitável.
:: Para que músculos e articulações fiquem ou não saudáveis, o tempo de manutenção da postura e a sua repetitividade são fatores determinantes. Pessoas que exercem atividades repetitivas, como digitação, devem fazer uma pausa de 10 minutos a cada hora para relaxar os músculos fatigados.
:: Posturas inadequadas, como passar muito tempo na posição sentada ou de pé, fazer grandes esforços físicos em atividades pesadas ou repetitivas ou esparramar-se na cadeira diante do computador, levam à fraqueza muscular, provocando sobrecargas principalmente à coluna, ombros e cervical, o que pode desencadear dor e doenças.
Dicas para evitar as dores
:: Não permaneça em uma mesma posição por muito tempo. A inatividade causa tensão muscular e fadiga.
:: Proteja sua coluna. Dobre os joelhos ao pegar ou colocar algo no chão. Carregue objetos pesados usando as duas mãos e mantendo a carga perto da cintura.
:: Ao caminhar, mantenha a cabeça ereta com o queixo paralelo ao chão, permita que os braços balancem naturalmente, e mantenha os pés apontados na direção que caminha.
:: Use sapatos confortáveis. Evite o uso contínuo de sapatos de salto alto, o que distorce a forma normal do pé e tira as curvas naturais da coluna do alinhamento.
:: Mantenha o peso ideal. Quilos extras exercem uma tração para frente nos músculos das costas e esticam e enfraquecem os músculos abdominais.
:: Mesmo que haja ginástica laboral na empresa, exercite-se regularmente, pelo menos 30 minutos ao dia. Atividades como caminhada, corrida, natação, andar de bicicleta ou jogar futebol, melhoram a condição cardiorrespiratória e tornam os músculos mais resistentes para suportar as pressões no trabalho. Especialistas dizem que quem faz uma atividade física regular acaba compensando um movimento errado que realiza durante o dia.
Fonte: Carlos Roberto Campos, presidente da Associação Nacional de Medicina do Trabalho (Anamt), professor universitário Eduardo Ramos da Silva, coordenador do Laboratório do Movimento Humano da Universidade de Caxias do Sul (UCS) e site www.boapostura.com.br

No comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *